InformarSemDramatizar

Home|InformarSemDramatizar
Informar sem Dramatizar
Mãos pintadas com cores, olhos e sorrisos

Programa desenhado pela RD-Portugal, destinado à divulgação das doenças raras, sem estigmas, nas Escolas portuguesas.

 

Alertar e sensibilizar as crianças e jovens para as especificidades relacionadas com as doenças raras e a deficiência. Queremos desconstruir mitos, ampliando o conhecimento que exista sobre o tema.

Objetivos do projeto

INFORMAR 

Através da:

 

Divulgação do projeto “Informar sem Dramatizar”.

Promoção da informação sobre as doenças raras, junto de crianças, adolescentes, famílias e comunidade escolar.

 

Comparação com as questões de saúde comuns no contexto da vida dos alunos e da comunidade.

EDUCAR  

Intervir na comunidade

 

Promovendo a educação pelo combate ao estigma junto dos mais jovens e da comunidade, influenciando as suas atitudes no futuro.

 

Explicando e mostrando à comunidade escolar e familiar a importância que o conhecimento pode ter no futuro.

ENVOLVER 

Contribuir para um compromisso:

 

Levando crianças, jovens e as famílias a defender e apoiar a integração social das pessoas portadoras de doenças raras e/ou deficiência.

 

Mobilizando o público-alvo para procurar mais informação sobre a temática em causa.

 

Desenvolvendo competências para a equidade, a justiça social e o desenvolvimento cívico. 

O projeto em detalhe

Destinatários: crianças e os jovens do 1.º, 2º e 3º ciclo e ensino secundário. Em estudo o alargamento ao ensino pré-escolar.

Método: Distribuição junto das escolas de materiais informativos e didáticos que ensinem as crianças e os jovens a compreender e lidar com as doenças raras, a não discriminar pessoas com doenças raras e/ou com deficiência e a aprender a fazer a integração das diferenças no seu dia-a-dia.

Duração: As atividades foram desenhadas para ter uma duração máxima de uma hora e meia em sala de aula. Pode ser dividida entre mais de uma aula ou várias disciplinas.

lápis de cor

 

Quem implementa: O professor ou a professora, com base nos materiais recebidos, depois de participar numa sessão de esclarecimentos/formação remota (duração 30min-1h).

 

O kit Informar sem dramatizar para uma turma é constituído por:

GUIÃO PARA PROFESSOR
APRESENTAÇÃO POWER POINT PARA PROFESSOR
X MATERIAIS, CONSOANTE O NÚMERO DE ALUNOS

Objetivos específicos por ciclo de ensino

1º Ciclo

DOS 6 AOS 10

 

Chamar a atenção das crianças para as doenças raras através de outros problemas de saúde que, por serem mais conhecidos e comuns, lhes sejam familiares.

2º Ciclo

DOS 10 AOS 13

 

Chamar a atenção para as doenças raras através de uma atividade dinâmica e fazer com que as crianças pensem sobre o assunto e retenham alguns conceitos.

3º Ciclo

DOS 12 AOS 16

 

Além de chamar a atenção para as doenças raras, pretende-se passar mais conceitos de cidadania e incutir um espírito de responsabilidade no apoio à luta destes doentes.

Ensino Secundário

DOS 15 AOS 18

 

Além de chamar a atenção para as doenças raras e de incutir um espírito de responsabilidade cívica e social junto dos jovens, apelar à sua criatividade e imaginação.

Inscrições:

 

Para inscrever a sua turma, escola ou agrupamento, envie email para o contacto do projeto: isd.rdportugal@gmail.com

lionhas que parecem sorrisos, coloridas

Piloto

Piloto – 1º Ciclo

10 escolas
7 localidades
48 turmas
839 alunos

 

Pré-Piloto – 2º e 3º Ciclos

1 escola
13 turmas
266 alunos
 

Dados gerais

4 sessões de esclarecimento
Implementação entre 2/12 e 17/12
Inquéritos de avaliação (em preenchimento)
Mapa de Portugal com escolas do piloto
 Escolas Aderentes
  • Colégio D. Luísa Sigea – Estoril, Cascais
  • Colégio Srª da Boa Nova – Estoril, Cascais
  • Colégio “O Pátio das Andorinhas” – Charneca da Caparica, Almada
  • Cooperativa de Ensino “A Colmeia“- Ponta Delgada, Açores
  • EB de Alvorninha – Caldas da Rainha
  • EB1/JI Major David Neto – Portimão
  • EB1/JI Rainha Santa Isabel – Lisboa
  • Escola Básica e Secundária /PE da Calheta – Fajã da Ovelha, Madeira
  • Escola Básica Fausto Cardoso Figueiredo – Estoril, Cascais
  • Externato São Francisco de Sales – Prazeres, Calheta, Madeira
lápis de cor encostados

O Informar sem Dramatizar nos media:

 

Programa E=MC² – Iniciativa para “combater a falta de conhecimento sobre doenças raras”
 
Projeto quer chegar a todas as escolas do país para sensibilizar para as doenças raras
  
Projeto ‘Informar sem Dramatizar’ quer chegar a todas as escolas do país com esclarecimentos sobre as doenças raras
HealthNews Online | 07/12/2021

Projeto ‘Informar sem Dramatizar’ quer chegar a todas as escolas para sensibilizar sobre as doenças raras
Notícias Saúde | 06/12/2021

Projeto ´Informar sem Dramatizar´ quer chegar a todas as escolas do país com esclarecimentos e sensibilização sobre as doenças raras
 
Projeto ‘Informar sem Dramatizar’ quer chegar a todas as escolas do país com esclarecimentos e sensibilização sobre as doenças raras
Medjournal Online | 06/12/2021
 

Projeto “Informar sem dramatizar” promete tirar todas as dúvidas sobre doenças raras

Vital Health Online | 06/12/2021

Projeto ‘Informar sem Dramatizar’ quer chegar a todas as escolas do país com esclarecimentos e sensibilização sobre as doenças raras
Lux Woman Online | 06/12/2021

Informar sem Dramatizar: levar as doenças raras às escolas
Pumpkin Online | 06/12/2021

Projeto ‘Informar sem Dramatizar’ quer chegar a todas as escolas do país com esclarecimentos e sensibilização sobre as doenças raras 35
Netfarma Online | 06/12/2021

Projeto ‘Informar sem Dramatizar’ quer chegar a todas as escolas do país com esclarecimentos e sensibilização sobre as doenças raras 115
Viver Saudável Online | 06/12/2021

Créditos

Autoria de todos os materiais: RD-Portugal
Designer materiais do 1º ciclo: Inês Gaspar
Design atividade 2º ciclo: Cognipharma
Ícons, infografias, ilustrações e imagens dos materiais: Freepik, Unsplash, Pexels, Flaticon, Mentimeter, La Repubblica, Parques de Sintra e originais RD-Portugal
linhas coloridas como sorrisos
Junte-se a nós
logotipo RD-Portugal horizontal